Fortaleza, Ceará

Centro Cultural Dragão do Mar




Dragão do Mar

«Fortaleza       «Passeios em Fortaleza

Site: www.dragaodomar.org.br.

Endereço: Rua Dragão do Mar, 81 - Praia de Iracema.

Como chegar.
Para quem se encontra nas Praias, o acesso mais fácil é pela Monsenhor Tabosa, tanto de carro como de ônibus; o trecho que vai até o final da Monsenhor Tabosa é a Praia de Iracema, e a partir da Barão de Studart é a Praia do Meireles.
A Avenida Dom Manuel liga o Dragão do Mar ao centro de Fortaleza; o trecho pode ser feito a pé, passando-se no caminho pela Catedral, pela Fortaleza e pelo Mercado de Artesanato.


Dragão do Mar é o nome pelo qual ficou conhecido o jangadeiro Francisco José do Nascimento, que em vida era também conhecido como Chico da Matilde.
Em 1881, Dragão do Mar, que havia sido nomeado para a importante função de Prático do Porto de Fortaleza, liderou um movimento de jangadeiros que se recusavam a fazer transportes de escravos. O movimento abolicionista foi forte no Ceará, a primeira provínica a abolir legalmente a escravidão.

Inaugurado em 7 de agosto de 1998, o Centro Cultural possui 30 mil metros quadrados de área para vivenciar a Arte e a Cultura Cearenses. Possui atrações como o Memorial da Cultura Cearense, o Museu de Arte, o Cine-Teatro, o anfiteatro, a Oficina de Arte e o Planetário.

A foto e as informações abaixo são do site oficial:

Centro Cultural Dragão do Mar

O Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura é uma infra-estrutura completa para o exercício do lazer e da arte, objetivando democratizar o acesso à cultura, gerar novos empregos e movimentar o mercado turístico cearense.

Visitantes de todas as localidades e classes sociais, das mais variadas faixas etárias e de renda visitam o Dragão do Mar. A premissa básica é a de que a programação artístico-cultural desenvolvida seja sempre plural, diversificada, inovadora e de alta qualidade, sofisticada até. Porém, o acesso é democratizado, permitindo que a população de baixa renda possa ter acesso aos bens simbólicos ofertados.

São 30 mil metros quadrados de área para vivenciar a arte e a cultura, com atrações como o Memorial da Cultura Cearense, o Museu de Arte Contemporânea do Ceará, o Teatro Dragão do Mar (ver programação), as salas de cinema do Cineclube e do Espaço Unibanco Dragão do Mar (confira programação dos cinemas), o anfiteatro Sérgio Mota, um Auditório e o Planetário.

Aos domingos a visitação ao Memorial e Museu é gratuita. A maioria dos eventos musicais é aberta ao público ou cobrada preços simbólicos, bem abaixo daqueles praticados pelo mercado.